Sábado, 25 de Setembro de 2010

Regresso...

  

Começo aqui, no local onde me abrigo, um olhar aberto de mim para comigo.

Começo aqui um voar acautelado por entre as nuvens do horizonte.

Começo aqui a melodia que em alegria toca o meu coração.

Começo aqui o dia dos meus dias, por entre mágoas e perdão,

crendo no valor das palavras mansas, cultivadas entre a sabedoria da razão e da ilusão.

Começo aqui o dedilhar de palavras, por entre as vogais e consoantes,

que formam proposições do meu sentir numa panóplia de emoções.

Começo a viagem ao sentimento de todas as sensações: 

Regresso a mim…

 

 

 

(Desligar a música de fundo do blogue para ouvir o vídeo, p.f.)

 

 

publicado por Menina Marota às 23:15
| comentar | Acompanhe-me
|

Sensibilidades...

Regresso

uma parte de mim

Sentidos

Bom Dia!

Sereinement...

Voláteis gaivotas

A hora do encanto...

Ouro negro

Amanheço-me

Poema sem nome

Pés na Areia

Reciclagem

Fragile

Sons diáfanos...

O vento da utopia

Momentos meus...

Rota da vida

Vida

O vento e o tempo.

Talvez

Bom Dia!

Sons do vento

Dizem

Olhos de Vida

Sentires

Oceano dos sentidos

Dádivas de amor

Sentires...

Da minha janela

Bom dia...

Almas Pretéritas

A minha alma anda aqui...