Terça-feira, 29 de Junho de 2010

Refresh

 

 

 

 

 

Fiz refresh de mim
recuperei o sorriso
nos meus sonhos embarquei
vagueei para lá da ilusão
- paixão de alma -
em cada instante
que o arco-íris oferece.

Amei cada momento, 

cada lágrima sequei,
o sorriso me desponta

e na aurora aparece.

Num novo amanhecer
há horas palpitantes:
mãos que se tocam,
desejos de pele
saciados no sabor
de uns lábios de mel,
borboletas rosa
na fragrância

de meus cabelos soltos
em teu peito
liquefeito

de ternuras.

No despontar de um novo dia
a realização do amor
acontece
beijo de carícias
toque breve
da magia
que não perece.

Há um novo amanhecer
no tempo do refresh 

 

tags:
publicado por Menina Marota às 15:45
| comentar | Acompanhe-me
|

Sensibilidades...

Regresso

uma parte de mim

Sentidos

Bom Dia!

Sereinement...

Voláteis gaivotas

A hora do encanto...

Ouro negro

Amanheço-me

Poema sem nome

Pés na Areia

Reciclagem

Fragile

Sons diáfanos...

O vento da utopia

Momentos meus...

Rota da vida

Vida

O vento e o tempo.

Talvez

Bom Dia!

Sons do vento

Dizem

Olhos de Vida

Sentires

Oceano dos sentidos

Dádivas de amor

Sentires...

Da minha janela

Bom dia...

Almas Pretéritas

A minha alma anda aqui...