Segunda-feira, 23 de Dezembro de 2013

Voláteis gaivotas

Autor desconhecido



Voláteis gaivotas

no horizonte se desenham

na poética hondura do cintilar

da terra amena que o rio atravessa

e se perde no mar.

 

Imutáveis as palavras efémeras

que dos poetas provenham.

 

publicado por Menina Marota às 16:32
| comentar | ver comentários (3) | Acompanhe-me
|
Sábado, 24 de Agosto de 2013

Ouro negro

Chovem pirilampos nas sílabas que se entrecruzam linha a linha no pensamento da palavra e nos sons esculpidos pelo...

Ler artigo
publicado por Menina Marota às 13:21
| comentar | Acompanhe-me
|
Sexta-feira, 16 de Agosto de 2013

Amanheço-me

Amanheceu chuvoso como se o planeta chorasse todas as incompreensões do mundo… Pintura de Francine Van Hove Aman...

Ler artigo
tags:
publicado por Menina Marota às 17:15
| comentar | Acompanhe-me
|
Quarta-feira, 7 de Agosto de 2013

Poema sem nome

Olho-te em silêncio. Sejas quem sejas sob meus olhos semicerrados clarividentes de palavras enfeitadas de pronunc...

Ler artigo
tags:
publicado por Menina Marota às 23:15
| comentar | Acompanhe-me
|
Terça-feira, 16 de Julho de 2013

Pés na Areia

Óleo de Zita Dantas Há um encanto nas palavras nascidas do ocaso do tempo como brisa refrescante no entardecer de ...

Ler artigo
publicado por Menina Marota às 18:30
| comentar | ver comentários (1) | Acompanhe-me
|
Sábado, 25 de Maio de 2013

Rota da vida

Desço ao rio mais profundo do meu sentir. Banho-me na água das lágrimas que transformei em estrelas. Pés descal...

Ler artigo
publicado por Menina Marota às 18:45
| comentar | Acompanhe-me
|
Terça-feira, 3 de Julho de 2012

Sons do vento

Sinto cada faísca que se solta no vento e me traz o som que entoa no firmamento soltando estrelas de mil cores...

Ler artigo
tags:
publicado por Menina Marota às 16:07
| comentar | ver comentários (2) | Acompanhe-me
|
Domingo, 20 de Novembro de 2011

Sentires...

Olho-te como se fosses uma estrela;um arco-íris a colorir a friezados sentimentos de um deserto sem oásisde um rio de...

Ler artigo
publicado por Menina Marota às 20:30
| comentar | ver comentários (2) | Acompanhe-me
|
Sexta-feira, 24 de Setembro de 2010

Remanescência de Vida

Imagem de Marina Filipovic Na suavidade da música que, como espuma, toca a areia mansamente e permanece no ar, lent...

Ler artigo
tags:
publicado por Menina Marota às 11:30
| comentar | Acompanhe-me
|
Quarta-feira, 22 de Setembro de 2010

Outono

Findou o Verão tempo de sol mar sorrir... beijar. O Outono em seu lugar saudações enviou fazendo acreditar que a es...

Ler artigo
tags: ,
publicado por Menina Marota às 15:00
| comentar | ver comentários (3) | Acompanhe-me
|
Quarta-feira, 25 de Agosto de 2010

Canto das palavras

Imagem de Leyla Emektar Do horizonte recebo o solque canta ao infinito sua canção de embalar,na suavidade das ondas ...

Ler artigo
tags:
publicado por Menina Marota às 23:09
| comentar | Acompanhe-me
|

Sensibilidades...

Voláteis gaivotas

Ouro negro

Amanheço-me

Poema sem nome

Pés na Areia

Rota da vida

Sons do vento

Sentires...

Remanescência de Vida

Outono

Canto das palavras

Almas Pretéritas

A minha alma anda aqui...