Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Alma Minha...

Arquivo de sonhos e memórias.

Alma Minha...

Arquivo de sonhos e memórias.

07
Fev20

Mar vibrante

Otília Martel
Eu e o Mar.jpg

 


Sacudo o nevoeiro que trilha meu corpo.  
Fixo o mar prateado onde apetece mergulhar
e nas suas ondas,
perigosamente vibrantes,
deixo-me embalar.


Vigilantes gaivotas
em rodopio, ousam voar,
alertas de um tempo biológico
que não pára de girar.


Cativa do som das ondas, 
do mar que ouve meu canto,
embalo-me madrugada dentro
no murmúrio do fascínio
que me quer despertar.

 

 

Poema escrito em 17/09/2013