Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alma Minha...

Arquivo de sonhos e memórias.

Alma Minha...

Arquivo de sonhos e memórias.

16
Jul13

Pés na Areia

Óleo de Zita Dantas
Óleo de Zita Dantas
 
 
Há um encanto nas palavras nascidas

do ocaso do tempo

como brisa refrescante

no entardecer de verão.

 Há um sabor a sal na pele do anseio

que toca levemente o pulsar da razão.

 E há a força trespassando a sinfonia

que solta o sentimento

(das estrelas cativo)

onde o desejo se funde no corpo opaco

do pensamento.

 A noite precede o dia onde tudo se clarifica.

 Pés nus na areia fina

nas ondas do mar

me reinvento.

 

20
Nov11

Sentires...

Steve Hanks

 

Olho-te como se fosses uma estrela,
um arco-íris a colorir a frieza dos sentimentos
de um deserto sem oásis,
de um rio de seco leito.

Amo-te…
como o mar ama as ondas
que através da espuma
a areia fina vem beijar.

Sinto-te…
no último sentimento que minha alma chora
depois da negrura de todos os outros
que, dia a dia, me assombraram.

Na paz do silêncio que a palavra sente
amo-te como se ama tudo o que passou
e que a nossa alma singela albergou.

08
Set11

DESEJOS DE VIDA

 

Do lado de fora da janela da cozinha chove.
Miudinha, nervosa, como quem pede alimento
para a terra ressequida.

Do lado de dentro florescem flores
que, como música
são alimento do meu sentir
Bebendo uma chávena de café
sentada mesa
vejo o seu belo florir

No recanto da cozinha
alma da casa
alimento do corpo e alma
sinto mais que avisto
as ondas do mar que bradam por mim
a desejarem-me

Ó chuva benfazeja que assentas a poeira dos dias.
Floresçam através de ti mil desejos de vida colorida
e, no arco íris que despontas
com tuas cores, me deslumbres

 

Imagem: As flores, num recanto da cozinha, alheias à chuva, sorriem para mim, na primeira refeição da manhã ♥